curtaINFMAIOposter01 copy.jpg

Infinitamente
Maio

Um drama visceral sobre a traição amorosa.

Raul (Denis Victorazo) chega em casa e encontra sua mulher,

Assíria (Jerusa Franco), fazendo sexo com outro homem

(Renato Rabelo). Começa para Raul uma espiral de sentimentos depressivos e violentos que só parecem ter pausa nos momentos

em que sai de casa, atraindo a atenção de Amanda (Simone

Spoladore), vendedora em uma floricultura. Um filme de amor,

traição, vingança, sexo, morte e corações maltratados,

experimental na estrutura narrativa e na forma.

Direção: Marcos Jorge
Roteiro: Aleksei Abib
Produção: Cláudia Da Natividade
Empresas Produtoras: Zencrane Filmes
Empresa Coprodutora: Pradanota Filmes
Lançamento: 2003

Elenco

(curta-metragem)

Denis Victorazo
Jerusa Franco
Renato Rabelo
Simone Spoladore

Destaques

  • 7º Festival de Cinema, Vídeo e Dcine de Curitiba – 2003
     

  • “Prêmio de Melhor Filme de Ficção”, “Prêmio de Melhor Direção”,
    “Prêmio de Melhor Atriz”
     

  • 14º Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo – 2003
     

  • “Prêmio de Melhor Filme”  Júri da ABD-SP
     

  • 2º Festival de Curtas-Metragens de Santos – 2003, “Prêmio de Melhor Atriz”
     

  • Festival do Rio 2003, “Menção Honrosa do Júri da ABD”
     

  • Cine PE - Festival de Cinema de Pernambuco – 2004
     

  • “Melhor Atriz”, “Prêmio Aquisição Canal Brasil”
     

  • 8º FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul 2004 “Menção Honrosa do Júri”

  • 8th Brazilian Film Festival of Miami - 2004, “Prêmio de Melhor Roteiro”, “Prêmio de Melhor Direção de Arte”
     

  • 27º Festival Guarnicê de Cinema – São Luís do Maranhão – 2004, “Prêmio de Melhor Roteiro”, “Prêmio de Melhor Atriz”
     

  • Cine Ceará – Fortaleza - 2004, “Prêmio de Melhor Montagem”, “Prêmio de Melhor Roteiro”, “Prêmio de Melhor Atriz”, “Prêmio de Melhor Ator”

Confira

o curta-metragem

na íntegra

Lembre-se: A exibição e a divulgação deste curta-metragem deverão ater-se

a finalidades culturais ou educacionais. É proibida sua utilização visando

fins comerciais ou publicitários, assim como é vedada qualquer alteração

do seu conteúdo, como cortes e re-montagens, reprodução integral

ou parcial. Os infratores estarão sujeitos a penalidades previstas por lei.